Borbulhas.com

Tudo sobre as borbulhas (acne)

Ervas para o acne

Cura com ervas

As ervas têm sido usadas no tratamento e prevenção das doenças há milhares de anos, e num curto espaço de tempo, desde Roma e Grécia até à China e Rússia, formaram a base de toda a medicina.

Há muitas ervas que podem melhorar as condições da pele e ajudar a controlar o acne. Algumas podem ser aplicadas à pele directamente na forma de banhos e cremes bem como serem tomadas internamente como tónicos.

A pessoa só tem de olhar para o frigorífico ou para a prateleira dos vegetais para muitos remédios naturais eficientes.

Gel de Aloé Vera

A planta de aloés é originária da África tropical e foi usada para tratar ferimentos de setas envenenadas. Também foi usada largamente pelos gregos e romanos para tratar feridas. O gel é útil para uma gama de situações de pele e ajuda a fazer desaparecer borbulhas. A massagem do gel de aloés vera na pele de manhã e à noite também ajuda a cicatriz que pode ser causada pelo acne. Alguns tónicos de pele também contêm aloés e vale a pena tentar.

Bardana

Particularmente valiosa para o funcionamento eficiente do fígado e dos rins, a bardana também ajuda a limpar a pele. Ferve-se a raiz numa taça de água e deixa-se em infusão durante dez minutos. Bebe-se três vezes por dia.

Couve

A couve tem propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias e é tanto nutritiva como curativa. Faz-se uma loção de pele liquidificando 250 gr de folhas frescas com 250 ml de hamamele, espreme-se, depois juntam-se duas gotas de óleo de limão.

Calêndula

A calêndula (a flor de malmequer) age como um adstringente anti-séptico de ervas e um anti-inflamatório naturaL Mistura-se uma colher de chá de extracto de calêndula (pode-se comprar o extracto em lojas de alimentos de saúde) num copo de água, coa-se o necessário para banhar a área afectada com a loção usando algodão-em-rama.

Camomila

A camomila tem propriedades relaxantes e anti-inflamatórias. Põe-se uma colher de chá de flores de camomila secas, ou até um saco de chá de camomila, numa taça de água fervida e depois cobre-se a taça e deixa-se em infusão durante dez minutos. Usa-se o líquido como lavagem do rosto ou tónico da pele.

Dente-de-leão

Este cresce em abundância por toda a parte. Apanham-se as folhas novas frescas, e juntam-se a uma salada verde ou faz-se numa sopa de vegetais. A erva é um dos melhores purificadores naturais desintoxicadores e tónico disponíveis. O chá e café de dente-de-leão está à venda e lojas de alimentos de saúde.

Echinacea

A echinacea, também conhecida como a flor conífera púrpura, é originária do norte dos EUA e é agora cultivada na Europa. Era usada pelos nativos americanos para tratar a mordedura da serpente, febres e feridas que não saravam. Os primitivos colonos também a adoptaram como remédio para resfriados e gripe. A echinacea tem sido valiosa há séculos como anti-séptica e purificador do sistema, mas recentemente os investigadores também têm estado a verificar a utilidade da erva como imuno-estimulante - ajudando o corpo a combater as infecções bacterianas e virais (tem sido mesmo usada na terapia da SIDA).

A echinacea também tem atraído muito interesse recentemente como tratamento por ervas de uma variedade de situações de pele, incluindo eczema, psoriásis e acne. Contém ingredientes activos que ajudam a formar fibroblastos (as células que se desenvolvem em tecido conjuntivo) e também reforça os processos curativos naturais da pele. Numerosos estudos têm confirmado que a echinacea ajuda a formar nova pele saudável e pode ser deglutida e aplicada topicalmente na pele.

Potters Herbal Suppliers têm uma gama de produtos chamados Skin Clear (limpeza da pele) que se têm desenvolvido para tratar manchas, borbulhas e acne média e em comprimidos provenientes da larga variedade da echinacea. Estes produtos estão disponíveis em lojas que vendem alimentos para a saúde. A pomada de echinacea também é útil para as pessoas que sofrem de acne porque ajuda a eliminar quaisquer partículas de sujidade na pele, portanto evita infecções de pele secundárias. Também ajuda a aliviar a dor, promove a formação da pele epidermal e evita a cicatrização. Alguns produtos de alta qualidade para cuidar da pele contêm extractos de echinacea, portanto convém procurá-los.

Funchi

Trata-se de uma das muitas ervas que agem como diurético, ajudando a expelir toxinas em elevada produção da urina. O funcho também estimula a circulação. Sabe a semente de anis e o bolbo fresco pode ser cortado e acrescentado a saladas, embora se possa comprar um delicioso chá de ervas em lojas de alimentos de saúde.

Alho

O alho é uma maneira simples e rápida de tratar o acne. Tem propriedades antibacterianas e antifungicidas, que têm uma acção anti-séptica eficiente nas situações de pele infectada. Corta-se simplesmente o bolbo de alho ao meio e esfrega-se na área afectada. É uma boa ideia fazer isto à noite, porque o alho não tem um cheiro muito agradável para toda a gente. Se a pessoa não está disposta a usar alho na pele, certifique-se que o usa bastante nos cozinhados ou toma um suplemento diário de alho. Muitas formas sem odor estão disponíveis em comprimidos ou em cápsulas que contêm todas as propriedades benéficas mas não são detectadas pela respiração.

Alfazema

A alfazema é um poderoso anti-séptico herbáceo que ajuda e promove a çura. Coloca-se uma mão cheia de flores de alfazema numa taça de água fervente e faz-se passar o vapor pelo rosto. A pessoa senta-se com o rosto a uma confortável distância do vapor da água e cobre a cabeça e a taça com uma toalha. Nunca vaporizar o rosto mais do que quinze minutos e convém parar logo que se comece a sentir desconforto.

Rosmaninho

Esta erva culinária estimula a circulação e tem um efeito relaxante e fortificante no sistema nervoso. Também é altamente anti-séptica e umas quantas gotas de óleo de rosmaninho acrescentadas a um banho quente fazem um sabão calmante antibacteriano, que é especialmente útil em casos de acne nas costas e no peito.