Borbulhas.com

Tudo sobre as borbulhas (acne)

Cuidados de limpeza para combater o acne

A pele é um órgão que se limpa a si próprio, por isso num mundo ideal não teríamos de nos lavar. Infelizmente a sujidade, a poluição e a constituição significa que a pele se toma demasiado bloqueada para tratar de si própria, e seguir uma rotina de cuidado de pele é essencial para sair de dificuldades.

Sem limpeza, levaria vinte e cinco dias em média para a pele se livrar dos restos reunidos durante um dia normal moderno!

Sabão e água

De uma forma geral, lavar a cara com sabão e água não é aconselhável parâ quem sofre de acne. Muitos sabões são feitos com gorduras de animal tais como o sebo e tendem a retirar da pele os seus óleos naturais, deixando-a excessivamente seca. Os sabões também perturbam o delicado equilíbrio de pH (medida de acidez e alcalinidade de uma substância) da pele deixando-a vulnerável a bactérias e infecção até que o equilíbrio seja restaurado. O sabão tem um pH alcalino de cerca de 8, ao passo que a pele natural é ligeiramente ácida com um pH de 5,5. O sabão não remove a constituição com eficiênCia e rnuitas vezes deixa um resíduo na pele que causa mais secura, a não ser que seja enxaguada completamente.

Não são tudo más notícias para as pessoas que não se podem livrar do hábito, do sabão e da água, porque há alguns sabões que contêm ingredientes especiais para remover óleos e bactérias em excesso, os quais, diferentes dos outros, não deixam atrás um resíduo de secura.

Convém procurar aqueles que têm etiquetas como sendo apropriados para peles sensíveis.

Hidratação

Hidratar é o passo final do programa e é essencial para todos os tipos de pele, especialmente nas atmosferas de escritório secas de hoje e com utilização de aquecimento central na maioria das casas. Peles oleosas e sujeitas o acne precisam tanto de protecção contra a perda de humidade e contra os efeitos de bactérias como peles secas. Até recentemente, pensava-se que o acne podia ser aliviada privando a pele dos seus óleos faciais, mas já foi descoberto que isto apenas serve para estimular as glândulas sebáceas para a produção de mais sebo.

Os cremes e loções de hidratação funcionam formando uma película protectora sobre a epiderme. Isto tanto ajuda a firmar a humidade no lugar como mantém afastadas as bactérias potencialmente prejudiciais. O conteúdo de humidade de cada célula do corpo humano é 80%, ao passo que a quantidade de humidade no ar é apenas de 1% no total. A pele é a nossa única barreira contra a constante perda de humidade. Ela produz os seus próprios factores de hidratação natural (FHNs), uma colecção de compostos que aumenta os níveis de humidade nas células. Ao aplicar um hidratante podemos melhorar activamente este processo bioquímico.

Mais, a hidratação mantém a pele fresca e de aspecto jovem ao suavizar as linhas e rugas. Podemos precisar de usar diferentes cremes de hidratação em diferentes alturas; por exemplo, durante o Inverno a produção de sebo decresce e um creme mais rico pode ser necessário. De novo vale a pena procurar os hidratantes contendo mais vitaminas e extractos naturais de ervas.